Essa casa tem de cair um dia!!!

Números em São Paulo mostram que o povo não aprova essa farsa eleitoral:


O monopólio de imprensa omite dados detalhados, para esconder o vexame desse podre jogo eleitoral, no qual os candidatos gastam verdadeiras fortunas para alcançarem um “lugarzinho ao sol”. Os números divulgados são apenas os votos válidos e essa farsa de percentual, é feita de acordo com esses dados e não com o número total de votantes.

Para termos uma ideia, São Paulo tem 8.619.170 votantes, 7.026.448 compareceram, destes, apenas 6.128.657 votaram em candidatos ou legendas. Sabemos que em eleições municipais, a maioria do povo que comparece para votar, é porque há uma indicação de um amigo ou têm uma ligação com algum candidato diretamente e nelas, o número de abstenções é menor que nas eleições estadual e federal, mas mesmo assim, foi registrado um grande número de abstenções, superando todos os candidatos do 3º ao último colocado.

Por outro lado, o número de abstenções, foi de 1.500.893 VOTOSse somados com os votos brancos e nulos, alcançam a casa de 2.814.599equivalendo 40.1% se comparado com os votos válidos, superando em muito o 1º colocado José Serra, que teve 1.884.849 votos, segundo o da imprensa, teve 30.75% dos votos. O repúdio e a indignação popular aumentam a cada pleito eleitoral, com certeza no 2º turno será maior, já que vergonhosos conchavos entre a cúpula do partido único, estão sendo feitos, nos bastidores dessa farsa, onde no varejo tem algumas diferenças, mas no atacado aliam-se com todas as propostas do grande grupo financeiro, da burguesia e do latifúndio, além de humilhar, massacrar e cortar direitos do povo.

A cada eleição, fica mais claro, que o povo esta de saco cheio de participar desse podre e viciado jogo de cartas marcadas. Na soma de votos brancos, nulos e abstenção, que é de 2.814.599, supera todos os candidatos individualmente, todos do 3º ao último colocado juntos, que somam 2.464.474 votos.

Já os votos do PSOL, PSTU e PCO, são superados 36 vezes, pois somam míseros 76.627 votos – isso juntos, pouco acima do 1% dos votos válidos. Colocando por terra, todos os argumentos de que temos de somar forças dentro do parlamento, que não passa de conversa fiada de quem não esta nem aí para os problemas do povo. Dentro de um processo eleitoral podre, que representa diretamente os interesses da burguesia e do latifúndio. Os que lá estão, são colaboradores direto desse sistema de exploração e opressão ao povo, principalmente os pobres das periferias e do campo, que sofrem no dia-dia, com os covardes ataques do aparato militar desse velho e podre Estado.

Como esta ocorrendo nos morros do Rio de Janeiro, nas vilas e favelas de São Paulo e no campo, onde até o exército esta sendo usado para reprimir os camponeses pobres em Rondônia.



Nenhum comentário: